Buscar
  • sopromov

Católicos LGBT+ de Westminster festejam entrevista do Papa

11.05.2022 “Ficamos sempre maravilhados quando o Papa Francisco fala sobre a nossa comunidade usando de tanta compaixão e compreensão e referindo os muitos pecados de rejeição e mágoa de que somos vítimas”, afirmou Ruby Almeida, presidente do grupo Católicos LGBT+ de Westminster , ao Independent Catholic News (ICN) de dia 10 de maio, a propósito da minientrevista que o papa concedeu por escrito ao site Outreach do padre jesuíta James Martin.

O grupo Católicos LGBT+ de Westminster reúne regularmente como comunidade nos 2º e 4º domingos na missa das 17h30 na Igreja da Imaculada Conceição (também conhecida como Igreja Farm Street), a igreja paroquial central de Londres dirigida pelos padres jesuítas e integra a resposta pastoral da Arquidiocese de Westminster para católicos LGBT+, suas famílias e amigos. A sua origem remonta às celebrações eucarísticas especialmente dirigidas à comunidade LGBT+, iniciadas em abril de 1999 no Convent of the Helpers of the Holy Souls, em Camden Town (Londres).

Referindo-se à comunidade da Igreja de Farm Street, Ruby Almeida disse à ICN: "Estamos presentes na missa quinzenal [na Farm Street Church] porque ela é um lugar de amor e aceitação que acolhe a nossa fé católica. É um espaço onde o clero, a comunidade paroquial e nossa capelania são a personificação do amor de Cristo por todos os católicos LGBT+”.

Almeida sublinhou ainda, em relação à entrevista do Papa Francisco ao Outreach que “a afirmação contínua de que a comunidade LGBT+ é parte integrante e amada da família de Cristo é uma mensagem muito importante” que precisa “ser dita e ser ouvida, quer pela comunidade LGBT+ quer pela sociedade em geral”.




17 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo